iPhone 4 no Brasil é o mais caro do mundo! Vai encarar?

O iPhone 4 será vendido no Brasil pelo preço mais alto do mundo, segundo levantamento feito pelo site EXAME.

O aparelho, que começa a ser comercializado no país a partir da 0 hora desta sexta-feira (17), terá preço de R$ 1.799 para a versão de 16GB e de R$ 2.099 para a versão de 32GB. Os valores são referentes à venda do smartphone desbloqueado e sem contrato de fidelidade com operadoras.

Na comparação, foram desconsiderados os países em que o iPhone 4 é vendido apenas com subsídio de empresas de telefonia, como Estados Unidos e Japão. Os preços foram obtidos em 15 sites locais da Apple  e convertidos para o real a partir da cotação das moedas nesta quinta-feira (16). Conforme o levantamento, Canadá e Hong Kong são os países onde o iPhone 4 sai mais barato – cerca de R$ 1,1 mil para a versão de 16GB e de R$ 1,3 mil para a de 32GB.

Procurada pela reportagem, a assessoria de imprensa da Apple no Brasil não foi imediatamente encontrada para falar sobre o assunto. Parte do elevado preço do iPhone 4 no mercado nacional pode ser explicada pela alta carga tributária que o produto recebe antes de chegar ao consumidor final.

Como qualquer dispositivo de telefonia móvel importado, ele recebe 16% de taxa de importação, mais 15% de IP(Imposto sobre Produtos Industrializados), 9,25% de contribuição para o PIS (Programa de Integração Social) e Cofins (Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social), além de uma média de 18% de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), dependendo do estado.

Info Tech

Hackers liberam ferramenta para desbloqueio do iPhone 4

Até o momento, quem comprava um iPhone 4  nos Estados Unidos para usar no Brasil ficava frustrado ao tentar usá-lo por aqui. Afinal, o aparelho vem bloqueado para o uso apenas com a AT&T.

Para acabar com esse tipo de problema, os hackers do grupo Dev-Team (conhecido por suas ferramentas de jailbreak) liberou uma nova versão da ultrasn0w. Com ela, é possível desbloquear o aparelho para o uso com qualquer operadora.

Em sua versão ultrasn0w 1.0-1, a ferramenta funciona com iPhone 4 com a baseband 01.59, além de modelos mais antigos do celular (3G/3GS), com basebands 04.26.08, 05.11.07, 05.12.01 e 05.13.04.

Vale lembrar que em alguns países da Europa o aparelho já é vendido desbloqueado, o que dispensa processos como o jailbreak.

O anúncio do desbloqueio de operadora acontece logo depois da chegada de uma nova ferramenta para “destravar” o celular que torna o processo de jailbreak absurdamente fácil. Trata-se de JailbreakMe, que entra em ação via Safari (estratégia que escancara uma falha grave de segurança do smartphone da Apple).

iPad está próximo, Tablet está liberado para venda no Brasil

Na semana passada, foi o iPhone 4. Agora, a Anatel acaba de homologar o iPad 3G, o tablet da Apple. Com isso, o equipamento está liberado para a venda no País.

A informação acaba de ser confirmada  pela assessoria de imprensa da Agência Nacional de Telecomunicações. O único modelo do tablet homologado até o momento é o com conexão 3G. A versão Wi-Fi ainda precisa passar pelo crivo da Anatel para ser oferecida no País.

O modelo 3G do tablet da Apple foi lançado nos Estados Unidos no dia 30/4. Com ela, o usuário tem  conexão à Internet com o uso da rede da operadora, estando livre das “amarras” do hotspot, ao contrário do modelo apenas com Wi-Fi.

Anatel deve liberar iPhone 4 para venda ainda essa semana

O celular iPhone 4, da Apple, deverá ser homologado (liberado para venda) pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) ainda esta semana.

Documentos que supostamente provariam que o iPhone 4 já estaria homologado circulam pela internet, mas foram desmentidos pela própria Anatel.

Segundo a agência, o documento utilizado é um processo interno (que a agência chama de “minuta”), apenas um modelo, não tendo, portanto, nenhuma validade.

A expectativa foi gerada pela publicação da homologação de três baterias de lítio compatíveis com o smartphone, uma na semana passada e duas ontem –o que indica que a homologação do próprio aparelho está próxima.

O mais recente telefone da Apple precisa receber a homologação por utilizar bateria de lítio e mecanismos como conexão Wi-Fi e 3G. De acordo com a resolução 242 da Anatel, “a empresa ou pessoa que vender produto não homologado que seja passível de homologação está sujeita a multa e providências para apreensão”.

O iPhone ainda não tem data oficial de lançamento no Brasil, que deve ser em algum mês do último trismestre deste ano.

Folha

Data para chegada do iPhone branco ainda não está definida

Os consumidores não poderão botar as mãos na versão branca do iPhone 4 da Apple até o final do ano, afirmou a empresa nesta sexta-feira (23), admitindo que fabricar o modelo se provou surpreendentemente difícil.

A empresa, em breve comunicado, disse que o iPhone 4 preto não foi afetado. Já para a versão branca, a Apple afirmou que a “fabricação do modelo é mais difícil do que o estimado a princípio”.

A companhia não detalhou mais no comunicado ou precisou datas nas quais a versão branca estará disponível.

O novo iPhone já criou uma série de dores de cabeça para a Apple, a maior sendo uma falha de sinal que levou a companhia a distribuir aos clientes capinhas que solucionariam o problema.

Em rara entrevista coletiva à imprensa na semana passada, o presidente da companhia, Steve Jobs, anunciou oferta de capas gratuitas para resolver as reclamações de recepção do aparelho.

Primeiro vídeo do iPhone 4 desbloqueado é revelado

Um canadense de Richmond, responsável pela conta @planetbeing no Twitter, foi a primeira pessoa a desbloquear o iPhone 4.

O hacker divulgou o feito no final da noite de ontem por meio de um vídeo no YouTube. As imagens mostram o aparelho realizando e recebendo ligações. A Apple ainda não havia disponibilizado o iPhone 4 para a venda no Canadá.

O responsável pelo feito é ligado à equipe do iPhone Dev Team, especializada em desbloquear o aparelho.

Segundo o vídeo, eles não pretendem divulgar o procedimento por enquanto.

O iPhone 4 está previsto para chegar ao Brasil em setembro.

Organização sem fins lucrativos não recomendará iPhone 4

A Consumer Reports não vai recomendar o iPhone 4, da Apple, a compradores após testar e confirmar falhas no sinal de rede sem fio do amplamente divulgado aparelho, acrescentando que a operadora norte-americana AT&T não é necessariamente a principal culpada.

A organização sem fins lucrativos, que publica guias sobre tudo, de carros a TVs, disse em relatório divulgado nesta segunda-feira que testou três modelos de iPhone 4 e de outros telefones –incluindo o iPhone 3GS e o Pre, da Palm— e descobriu que nenhum apresentava os problemas de perda de sinal do mais recente iPhone.

O documento marcou o mais recente golpe em um aparelho que vendeu 1,7 milhão de unidades em três dias, mas que vem sendo alvo de reclamações sobre a fraca recepção de sinal. Muitas das reclamações envolvem uma antena que, segundo comentado, reduz a força do sinal se tocada de certa maneira.

A companhia tem sido acionada por usuários do iPhone em pelo menos três tipos de reclamação relacionadas a problemas com a antena.

“Quando seu dedo ou mão tocam a parte inferior do lado esquerdo do telefone –algo fácil de acontecer, especialmente para canhotos–, o sinal pode cair o suficiente para provocar a completa perda da conexão se você estiver em uma área com sinal fraco”, disse Mike Gikas, da Consumer Reports, em um relatório no site do grupo.

“Por causa desse problema, não podemos recomendar o iPhone 4.”

Representantes da Apple não estavam imediatamente disponíveis para comentários.

Devido aos problemas de sinal, que podem derrubar uma ligação, a Consumer Reports recomendou cobrir o espaço na antena com uma fita isolante ou algum outro material que não conduza eletricidade.

A organização também disse que seus testes indicaram que a rede da AT&T não é a principal responsável pelos tão falados problemas de recepção de sinal do iPhone 4.

A Apple vem afirmando que quase nenhum celular sofrerá uma perda de final caso o aparelho seja tocado de certos modos. A empresa afirmou depois que havia descoberto uma falha no software que amplifica a força do sinal, embora a companhia não tenha diretamente tratado das preocupações sobre a antena.

Reuters

Nokia provoca Apple sobre falha de recepção do iPhone

Aproveitando-se das queixas dos usuários de iPhone 4 sobre a falha de sinal em determinados modos de manuseio, a Nokia decidiu cutucar a rival numa espécie de guia prático que ensina seus clientes a segurarem os celulares da melhor forma.

O suposto manual está no blog oficial Nokia Communications e expõe quatro modos eficazes de manipular os dispositivos móveis da marca finlandesa. Ilustrados, “The four edge grip”, “The balance”, “The cup” e “Thumb and finger” são descritos singularmente com uma pitada de seriedade, mas, no fim do post, percebe-se a real e ácida intenção da companhia.

“É claro, sinta-se livre para ignorar tudo escrito acima porque, realmente, você está livre para segurar seu dispositivo Nokia do modo que quiser”, escrevem os funcionários. “E você não sofrerá com nenhuma perda de sinal. Legal, huh?”

A mensagem é uma clara provocação à Apple, que, de acordo com críticos, não admite que o problema de sinal com a antena resulta de um erro grosseiro de design.

Com a quarta geração do smartphone, a Apple aplicou um novo sistema de antenas que, na teoria, conseguiria captar sinais de Wi-Fi ou Bluetooth com maior eficiência. A mudança, porém, consiste também em deslocar as antenas internas para a lateral direita de metal, junto à lateral de metal.

Se, deitado sobre a mão ou sobre a mesa, o iPhone capta melhor o sinal sem fio, quando se conversa ao telefone com a mão esquerda, parte do sinal é bloqueado, segundo relatos de usuários do mundo todo.

Para especialistas e comentaristas do ramo da tecnologia, a empresa de Steve Jobs errou por não posicionar as antenas na parte inferior do corpoa exemplo de Palm Pré e Nexus One -, o que evitaria problemas como bloqueio parcial do sinal pelas mãos dos usuários.

A Apple já estuda uma maneira de consertar as falhas com uma nova atualização no sistema operacional iOS 4, a ser lançada no começo da semana que vem, conforme relata o blog Apple Insider.

Reuters

Em Vídeo Hitler fica furioso com antena do iPhone

Um clássico dos vídeos virais ganhou agora nova versão para desancar Steve Jobs e seu confuso e-mail negando problemas no iPhone 4.

Acusado de ter antenas para sinal Wi-Fi que não funcionam direito, o iPhone 4 foi defendido por Steve Jobs em e-mail. Jobs explicou que não há defeito, mas que os usuários é quem devem segurar corretamente o dispositivo para fazê-lo captar melhor o sinal de conexão sem fio.

No vídeo abaixo, falsas legendas do filme a queda (em inglês) mostram Hitler furioso com o comportamento de Jobs.

Na versão original, o premiado drama de Oliver Hirschbiegel narra os últimos dias de Hitler em seu bunker, em Berlim, antes da derrota alemã na Segunda Guerra.

As edições da cena abaixo se tornaram um hit na internet e já serviram de mote para fazer centenas piadas com políticos, esportistas e todo tipo de celebridade.

Incomodados com o uso das imagens, os produtores do filme pediram ao Google, no início deste ano, que removessem os vídeos do YouTube. O Google atendeu ao pedido, mas como se vê, a comunidade do YouTube voltou a postar brincadeiras com o filme alemão.

iPhone 4 desbloqueado para funcionar com dois chips simultaneamente

A  empresa RebelSimcard.com desenvolveu um acessório curioso e ao mesmo tempo revolucionário “Active Rebel 2Phone Dual Sim” para o iPhone 4, que funciona com dois SIMs ao mesmo tempo e permite fazer e receber chamadas simultaneamente em seu dispositivo.

Tudo o que você precisa é um iPhone 4 com Jailbreak. Basta adicionar o segundo cartão SIM ou um cartão micro com um adaptador SIM micro-mini e instalar o aplicativo do iPhone 2Phone Rebel.

Agora você pode fazer ou receber chamadas em qualquer um dos seus cartões SIM (por exemplo, a TIM e Claro). Ambos os cartões SIM estará ativo e você pode ver os níveis de sinal e bateria na parte superior da tela do seu iPhone independentemente .  No entanto, isso pode revelar-se como um dos equipamentos mais inovadores desenvolvidos para o iPhone 4.

 

Vantagens do Active Rebel 2Phone Dual Sim

  • Utilizando múltiplos cartões SIM permite ao usuário tirar proveito dos planos de preços diferentes para as chamadas e mensagens de texto para determinados destinos, bem como o uso de dados móveis.
  • Acompanha bateia de 1700m. Esta bateria é utilizada para ligar o telefone no nosso caso, ou pode ser usado como um extensor de energia para sua bateria do iPhone.
  • Se você rodar com pouca bateria no seu iPhone você pode usar a bateria do Rebel 2Phone Processo para carregar seu iPhone.
  • Não usa qualquer recurso de seu iPhone. Tem sua própria bateria de que o poder do sim ativa dupla.
  • Impedir que o iPhone 4 tenha arranhões.
  • Fazer chamadas com o iPhone mesmo bloqueado.