Como resolver a prova do Enem 2015 com facilidade – Dicas

Pode-se notar que o Enem é uma prova bastante singular, de modo que exige do candidato uma estratégia um pouco diferente dos demais vestibulares na hora da resolução. Confira a seguir qual é o passo a passo recomendado pelo educador Mateus Prado:

1 – Resolver os itens mais fáceis
“Se eu sei que as mais fáceis geram a maior nota, eu preciso fazê-las primeiro, principalmente no segundo dia no qual quem está preparado não consegue fazer em 5h30 a redação, ler os 45 textos de linguagem e fazer, mesmo que simples, os cálculos de matemática. É impossível”, diz ele.

Descobrir quais são elas é uma atividade bastante intuitiva, é o que realmente parece não exigir muito tempo para ser respondido. Por isso que o educador afirma: “se tem uma que você sabe fazer, mas você viu que demora 10 minutos, pule-a. Não sei fazer? Pula. Não é marco quais são fáceis e volto depois, porque assim você vai perder tempo”, disse. Deste modo, seu conselho é: “comece a prova por onde você se sente mais seguro e depois passe para a outra prova desse dia. Resolveu todas as fáceis? Passa para o gabarito do Enem 2015”.

2 – Faça o mesmo com as questões médias

3 – Resolva as difíceis
Frente aos itens mais complicados, o aluno tentará solucioná-los. Caso não consiga, o educador sugere o chute: “na hora que você chuta na mesma letra, sua probabilidade de acerto é de 20%. Se você tem segurança que acertou a maior parte, o acaso aumenta se você escolher na alternativa que menos deu para você. Todo bom vestibular não vai pesar muito na mesma prova numa única alternativa. Imagine a situação: você, estudante, está acertando tudo, mas nota que tem 15 alternativas A na sua prova de 45 questões.

Você pensa que tem algo errado. Então todo bom vestibular distribui os gabarito do Enem 2015s: se são 5 alternativas, as respostas corretas estarão entre 8 e 10 questões de cada uma delas. Logo, se você colocar na que deu menos, você vai aumentar sua sorte ao acaso.”

Informações via universia.com.br

Veja isso

Deixe uma resposta