Será que podemos usar o mesmo carregador para outro celular?

Por mais que a tecnologia dos smartphones avancem, oferecendo cada vez mais memória, capacidade de processamento e telas de altíssimas resoluções, aparentemente as baterias não conseguem acompanhar  a evolução no mesmo ritmo.

Quanto mais o aparelho tem recurso, mais energia ele consome, o que nos obriga a fazermos recargas com mais frequência não é mesmo?

De vez em quando andamos com o carregador do celular no bolso,no carro na bolsa,etc, já nos prevenindo para o momento que a bateria vai descarregar. Mas acontece que podemos perder o carregador original  e aí falamos: “posso usar teu carregador rapidinho?”

Resultado de imagem para carregadores

Afinal de contas, se quase todos os aparelhos contam com carregadores que se conectam via microUSB, então não deve ter problema algum em usar o carregador do Moto G no Galaxy S5… Ou será que tem? Veremos!

Antigamente, antes de você ver todos os padrões microUSB, USB, miniUSB, USB Type-C, Lightning e outros que podem ainda surgir, cada fabricante de celular fazia os seus próprios conectores. Com isso, tornava-se impossível utilizar o carregador de um aparelho para fazer a recarga da bateria de outro produzido por outras empresas.

E isso tinha um lado ruim? Talvez tivesse! Tinha um lado bom? Certamente!

Cada fabricante utilizava diferentes equipamentos na montagem dos seus celulares. Baterias e circuitos eram preparados para suportar tensão e corrente com um limite máximo e cada aparelho trazia suas próprias especificações nesse caso. Com isso, usar um carregador inapropriado poderia causar problemas bem sérios aos circuitos de um aparelho com suporte menor às correntes.

Resultado de imagem para usar o mesmo carregados no outro celular

 

A maior parte dos carregadores que utilizam conectores USB traz a tensão de 5 volts para os aparelhos. Porém, é preciso dizer que cada fabricante usa diferentes capacidades de corrente nesses acessórios, e as diferenças não são pequenas, por isso é importante ficar muito atento. De acordo com o Make Use Of, estas são as correntes de três das maiores fabricantes da atualidade:

  • Samsung: 0,7 amperes (5V)
  • Motorola: 0,850 amperes (5,1V)
  • ASUS: 2 amperes (5V)

Há diferenças bem interessantes nos aparelhos e isso pode variar ainda mais se aumentarmos a gama de análise. Mas o que isso significa efetivamente? Será que isso quer dizer que os aparelhos podem explodir a qualquer momento se usarmos o carregador errado?

Bem, na verdade, não. Apesar de isso ser um grande perigo quando estamos falando de tensão, no caso da corrente as coisas são menos perigosas. Existe uma diferença básica entre tensão e corrente — pois enquanto a primeira é sempre constante (sempre 5 volts, por exemplo), a segunda é variável (um aparelho com 2 amperes pode trabalhar com menos que isso, sem problemas).

 

Resultado de imagem para podemos usar um carregador de celular em outro celular/

A melhor forma de evitar problemas, é observar com bastante atenção os dois carregadores, e se certificar de que a corrente que o celular precisa é compatível com aquela fornecida pela nova fonte.Se o carregador é totalmente compatível com o seu aparelho, pode usá-lo sem medo. Mas lembre-se, a melhor alternativa é usar sempre produtos originais.

Veja isso